Queda Capilar

É uma das queixas mais comuns nos consultórios dermatológicos e costuma gerar certa preocupação e desconforto por parte de pacientes pacientes de ambos os sexos, que se mostram angustiados quanto ao risco de ficarem “carecas”. Daí se nota a importância histórica dos cabelos na composição da estética dos indivíduos, funcionando como uma moldura para a face.

Primeiro, é importante lembrar que os fios capilares apresentam um ciclo de desenvolvimento normal que culmina com sua queda e substituição por outros fios.

Dessa forma, é normal que percamos cerca de 100 a 150 fios diariamente. Na prática, não ficamos contabilizando isso para saber se estamos com queda capilar anormal.
Mas podemos suspeitar disso quando, por exemplo, passamos a notar mais fios caindo na hora do banho ou no travesseiro, além da percepção de rarefação e afinamento capilar.

Existem várias situações que podem provocar queda capilar. Essas causas podem ser de origem hormonal, genética, emocional, inflamatória, imunológica...
Dessa forma, quando estamos diante de um caso de queda de queda de cabelos, precisamos identificar as prováveis razões e tratá-las de forma adequada.
Alguns exames podem ajudar nessa investigação, como o teste de tração, a tricoscopia, exames laboratoriais, biópsia, dentre outros.

Três causas muito comuns de queda capilar merecem ser destacadas e, por isso, vamos abordá-las individualmente. São elas: Alopécia Androgenética, Eflúvio Telógeno e Dermatite Seborréica.

Alopécia Androgenética (Calvície)

A calvície (Alopécia Androgenética) é uma queixa muito frequente nos consultórios dermatológicos, por conta do incômodo estético que provoca.

Costuma ter uma forma de apresentação mais típica (afinamento dos fios, rarefação na região frontal e formação de “entradas”), o que facilita o diagnóstico, que costuma ser normalmente clínico.

Por ser uma condição de fundo genético, o tratamento se baseia essencialmente em controlar/retardar a sua progressão. É fundamental para se obter sucesso, que se inicie medidas terapêuticas de forma precoce.

Durante a consulta, é importante uma avaliação minuciosa e individualizada do caso para estabelecer o melhor plano de tratamento, que pode ser através de medicações locais, orais ou intradérmicas, além de procedimentos dermatológicos, como laser, microagulhamento, drug delivery e mesoterapia.

Eflúvio Telógeno

Causa importante e comum de queda capilar não cicatricial, ocorre por conta de uma entrada abrupta do folículo capilar em sua fase terminal, que culmina com sua queda. 

Vários fatores podem causar esse quadro, desde distúrbios hormonais, pós-parto, uso de medicações, estresse emocional, dentre outros.
Costuma ser um quadro agudo e reversível de maneira espontânea, porém existem casos que podem vir a se tornar crônicos.

O tratamento se baseia principalmente na correção da causa. Algumas medicações podem ajudar a fortalecer o fio capilar. Muitas vezes, pôde-se optar por uma conduta expectante visto que o quadro costuma ser transitório e auto resolutivo em alguns meses.
É importante que o paciente seja muito bem orientado quanto à natureza do problema e quanto ao tempo necessário para que a queda capilar volte a níveis considerados normais.

Dermatite Seborréica ("Caspa")

A Dermatite Seborréica, conhecida popularmente como “caspa”, é uma das principais causas de queda de cabelo vistas nos consultórios dermatológicos. Consiste em um processo inflamatório observado mais comumente na derme do couro cabeludo, mas também pode acometer outras regiões, como face e tronco, por exemplo.

Essa inflamação tem origem genética e não é contagiosa. Apresenta caráter crônico e recorrente. Alguns fatores como estresse emocional e excesso de oleosidade podem desencadear as crises. As principais manifestações são coceira, vermelhidão, descamação e queda capilar. Muitos pacientes não associam períodos de queda capilar excessiva ao aparecimento das crises de “caspa”, mas isso é extremamente comum!

Entretanto, a queda capilar provocada pela Dermatite Seborréica normalmente é reversível com o tratamento, pois não provoca cicatrizes.

Vale também destacar que o padrão de queda visto nessa doença é difuso e não se confunde com a queda observada na calvície, em que se verifica um padrão gradual e progressivo, mais evidente na região frontal e temporal (formando as conhecidas “entradas”), mas também atingindo a região central, tendendo a poupar as laterais e a parte de trás da cabeça. Além disso, na calvície temos um afinamento dos fios. Se não tratada, pode evoluir com atrofia dos folículos capilares. Nesses casos, a alternativa terapêutica seria o transplante capilar.

O tratamento da Dermatite Seborréica é de controle e consiste principalmente no uso de shampoos e loções, além de orientações gerais, sendo rara a necessidade de medicações orais. Se você sofre com “caspa”, procure um dermatologista para avaliar e tratar seu problema.

Alopécia Areata

Trata-se de uma condição em que surgem placas arredondadas, totalmente sem cabelo, como se fossem “falhas”. Como o cabelo cai pela raiz (devido a um processo inflamatório na as áreas têm aspecto liso.

Não se sabe a causa exata, mas acredita-se que esteja relacionada a um processo auto imune contra o folículo piloso. É comum o quadro se iniciar ou piorar devido a fatores emocionais.

Existem várias formas de tratamento (medicações tópicas, orais, injetáveis...), a ser decidido pelo dermatologista. Como não se trata de uma alopécia cicatricial, o cabelo normalmente volta a nascer, mas a melhora costuma ser lenta.

Protocolo L.M.D 3 em 1

São 3 procedimentos (laser, microagulhamento e drug delivery) realizados em uma mesma sessão, que, combinados, visam otimizar os resultados, buscando a alta performance no tratamento da queda capilar / calvície. 

Laser Capilar

Há diversos tipos de laser, cada qual com sua atividade particular. O laser para cabelos funciona aumentando e acelerando o crescimento, espessamento e fortalecimento dos fios existentes.

No nosso Protocolo L.M.D
3 em 1, a letra D remete ao Laser Capilar, que é o primeiro passo realizado, visando otimizar o tratamento da queda capilar / calvície, em associação a outros procedimentos.

Microagulhamento Capilar

É um procedimento que tem sido bastante utilizado para tratamento de queda capilar e calvície.

Assim como o nome indica, a técnica de Microagulhamento Capilar consiste na utilização de dispositivos com diversas agulhas muito pequenas, que causam discretas perfurações no couro cabeludo para estimular a produção de fatores de crescimento pelas plaquetas presentes no sangue. Ele é indicado para estimular o fortalecimento e o crescimento dos fios capilares.

Apesar de envolver o uso de agulhas, trata-se de um procedimento tolerável, seguro e com baixo índice de complicações, além de não necessitar de maiores restrições ao cotidiano do paciente.

No nosso Protocolo L.M.D 3 em 1, a letra M corresponde ao Microagulhamento Capilar, que é o segundo passo realizado, visando otimizar o tratamento da queda capilar / calvície, em associação a outros procedimentos.

Drug Delivery

A técnica Drug Delivery Capilar consiste em facilitar a entrada e a permeação de produtos e ativos no couro cabeludo. Assim, é possível reduzir o tempo de tratamento e seus efeitos colaterais.

A técnica vem sendo bastante empregada em tratamentos para queda capilar e calvície. O método consiste em se utilizar de aberturas feitas na pele para que haja uma penetração mais rápida e eficiente dos produtos no local em que eles devem atuar. Essas aberturas podem ser realizadas através do microagulhamento.

No nosso Protocolo L.M.D 3 em 1, a letra D corresponde ao Drug Delivery Capilar, que é o terceiro passo realizado, visando otimizar o tratamento da queda capilar / calvície, em associação a outros procedimentos.

Mesoterapia Capilar

A mesoterapia (ou intradermoterapia) é um procedimento que consiste em se injetar medicações através da pele, por meio de injeções. Pode tratar diversas patologias.

De acordo com o problema a ser tratado, utilizam-se diferentes medicamentos ou até mesmo combinações deles, que chamamos de mesclas. O objetivo é fazer com que o princípio ativo chegue de maneira direta e eficaz ao alvo a ser tratado.

A mesoterapia tem sido bastante utilizada para o tratamento da queda capilar / calvície, pois as medicações aplicadas chegam de maneira direta e eficaz em um nível mais profundo da pele (onde se situam folículos capilares), fortalecendo e estimulando o nascimento dos fios.

Analgesia

Prezamos bastante pelo conforto e bem estar dos nossos pacientes. Sendo assim, por mais que os procedimentos que realizamos sejam toleráveis quanto ao quesito dor, procuramos sempre utilizar de vários métodos para minimizar qualquer incômodo ao paciente.
Alguns exemplos são:

- Uso de cremes anestésicos (aplicados sobre a pele alguns minutos antes do procedimento, ajudam a suavizar a dor de picadas
- Analgesia vibratória: consiste na utilização de um dispositivo que gera uma vibração em contato com a pele, “disfarçando o estímulo doloroso”.
- Coolsense: dispositivo de analgesia térmica, que suaviza a dor por meio de resfriamento local.

Dr. Januário Júnior | Todos os Direitos Reservados | (85) 3086-5949 | contato@dermatologistaemfortaleza.com.br
 Avenida dos Expedicionários, 4699 - sala 3 - 1o andar  - Edifício J. Souza - Fortaleza-CE
<div id="ib2-bottom-slider-main" class="ib2-wsection-el ib2-section-el ib2-slider-el" data-el="wsection" data-animation="none" data-delay="none" data-border-type="single" data-img-mode="upload"> <div class="el-content" style="background-color:#CCC; padding: 20px 0px 10px; opacity: 1; border-color: rgb(168, 157, 157) rgb(51, 51, 51) rgb(51, 51, 51); border-width: 2px 0px 0px; box-shadow: 0px 0px 8px 3px #c2c2c2; border-top: 2px solid rgb(168, 157, 157)"> <div class="el-content-inner container" style="margin: 0px auto; width: 948px;"> <div class="el-cols" style="max-width:100%; width:100%;"> <div id="ib2-bottom-slider-main-box" class="ib2-section-content" style="min-height: 50px; max-width: 100%; margin: 0px auto; width: 948px;"> <div id="ib2_el_slidertext" class="ib2-content-el ib2-text-el" data-el="text" data-shadow="none" data-animation="none" style="position: relative;"> <p>This is the bottom slider area. You can edit this text and also insert any element here. This is a good place if you want to put an opt-in form or a scarcity countdown.</p> </div> </div> </div> </div> </div> </div>